segunda-feira, 9 de julho de 2012

Enquanto a luz do sacrário estiver acesa, sabemos que Alguém nos espera


 
"Conta-se que um protestante inglês entrou com sua filha de 5 anos numa Igreja Católica de Londres. Ao ver uma lâmpada acesa diante do sacrário, a menina perguntou ao pai: “Por que aquela lâmpada está acesa, apesar de o dia estar claro?”. Ao passo que o pai respondeu: “Porque ali, atrás daquela portinha dourada, mora Jesus.” Ela, então, disse: “Papai, eu quero ver Jesus!”. “Não se pode, filha, porque a portinha está fechada”, respondeu ele. Em seguida, pai e filha saíram da igreja e mais adiante entraram num oratório protestante. Chegando ali, a menina imediatamente disse: “Pai, aqui não tem aquela luzinha acesa por quê?”. Meio desconcertado, o pai não soube o que responder. Então, a menina disse: “O que estamos fazendo aqui? Vamos embora, vamos aonde mora Jesus!”. A insistência da menina, que afinal queria ir sempre onde se achava Jesus, acabou por converter o pai à fé católica.

Quantas vezes vemos nas Igrejas a lâmpada acesa do sacrário e passamos despercebidos!

Estamos verdadeiramente convictos de que ali, no sacrário, mora Jesus Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro Homem, vivo como no Céu?"

 "Enquanto a luz do sacrário estiver acesa, sabemos que Alguém nos espera. Não estamos sozinhos!" (Dom Manuel Pestana)

Adaptado de: A Palavra de Deus em exemplos, Edições Paulinas 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...